Recordar Agustina Bessa-Luís

𝙍𝙚𝙘𝙤𝙧𝙙𝙖𝙧 𝘼𝙜𝙪𝙨𝙩𝙞𝙣𝙖 𝘽𝙚𝙨𝙨𝙖-𝙇𝙪í𝙨
No passado dia 15 de outubro, Agustina Bessa-Luís (15 de outubro de 1922 — 3 de junho de 2019) faria 99 anos. A partir de então, no dia 15 de cada mês, daremos a conhecer uma das obras de Agustina Bessa-Luís com referências diretas a locais da nossa União de Freguesias, fruto da sua ligação às nossas terras, em especial a Bagunte e a Outeiro, locais que fizeram parte da sua vida, sobretudo na fase da adolescência, e que se eternizam agora na sua obra. Acompanhe-nos neste percurso literário que nos conduzirá até ao centenário do seu nascimento, a 15 de outubro de 2022.

 

Vento, Areia e Amoras Bravas (Dentes de Rato II)

A obra de que vos vamos falar hoje é Vento, Areia e Amoras Bravas, que é escrito no seguimento de Dentes de Rato, sendo por isso a segunda parte deste, um conto infantil publicado em 1990, pela Guimarães Editores, com ilustrações de Mónica Baldaque, filha da escritora.

Este livro trata-se de uma nota autobiográfica ficcional, centrada, como na primeira parte, na história de Lourença, reunindo novas pessoas, lugares e acontecimentos que marcam a vida desta personagem. Esta segunda parte de Dentes de Rato, da história de Lourença, é marcada também por influências da infância da escritora, acompanhando agora o crescimento da personagem principal.

Recordamos que “Dentes de Rato” é, precisamente, o nome dado a Lourença, figura central deste conto (para ficar a saber mais sobre o porquê deste nome pode “revisitar” o anterior artigo aqui: https://uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt/pages/noticia/336/Recordar_Augustina_Bessa-Lu%C3%ADs#init .

Nesta obra não encontramos, diretamente, referências a locais da nossa União de Freguesias. Aqui a autora deixou-se influenciar mais pelas suas vivências na cidade da Póvoa de Varzim, sendo a ilustração da capa uma tenda na praia e tendo denominado um capítulo por “Casinos” e nele fazendo várias referências a vários espaços da cidade, como a Rua da Junqueira ou a Avenida dos Banhos e, claro, ao Casino da Póvoa, que conheceu bem pelo motivo de o seu pai ter sido concessionário deste espaço algum tempo.

Contudo, podemos encontrar referências a pessoas associadas à Quinta de Cavaleiros. A determinada altura a escritora refere «a cantiga de David, caseiro de Cavaleiros e bom tangedor de viola, não dava muito certo com a realidade:

                        “Há duas coisas na vida

                        que não posso compreender:

                        um padre ir pro inferno

                        e um médico morrer.”» (p. 40)

Cantiga popular que, muito provavelmente, poderá mesmo ter aprendido nos seus tempos passados em Cavaleiros.

Mais à frente encontramos outra referência a pessoas associadas a Cavaleiros e a ditos populares. Diz-nos a autora que, a propósito de uma expressão utilizada para se fazer referência a algo velho, a algo do antigamente, «Miguel e Emília de Cavaleiros diziam “os afonsinhos”, mas isso entendia-se logo que eram os reis da primeira dinastia» (p.72-73).

Se na primeira parte de Dentes de Rato encontrávamos referências aos locais e até algumas descrições dos mesmos, agora temos referências a influências relacionadas com pessoas e ditos populares. Isto falando das menções mais diretas, porque influências menos diretas, com certeza que as há também.

Ficou curioso? Acompanhe-nos nesta nossa viagem pela obra de Agustina, rumo ao centenário.

No próximo dia 15 de janeiro a obra escolhida é “Contos Amarantinos”.

 

Bibliografia

BESSA-LUÍS, Agustina – Vento, Areia e Amoras Bravas. Il. Mónica Baldaque. Lisboa: Guimarães Editores, 1990.

 

Calendário de Eventos
Janeiro 2022
DSTQQSS
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031
Informações Úteis
O Tempo
Farmácias
Hospitais
Bombeiros

Contactos

Outeiro Maior

Rua Aldeia Nova, 417

4480-330 Outeiro Maior

Tel. +351 252 653 099

Fax +351 252 653 099

executivo@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt

Bagunte

Rua da Igreja, 98

4480 -214 Bagunte

Tel. +351 252 652 107

executivo@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt

Ferreiró

Largo Trindade, 75

4480-250 Ferreiró

Tel. +351 252 657 636

executivo@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt

Parada

Avenida do Monte, 149

4480-340 Parada

Tel. +351 252 657 635

executivo@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt